Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Inscrição para o II Encontro Maringaense de Psicanálise e Gêneros

Inscrição para o II Encontro Maringaense de Psicanálise e Gêneros

Inscrição para o II Encontro Maringaense de Psicanálise e Gêneros

II EMPG

II ENCONTRO MARINGAENSE DE PSICANÁLISE E GÊNEROS

 

O II Encontro Maringaense de Psicanálise e Gêneros nesta edição se propõe apresentar e discutir as pesquisas construídas dentro do Laboratório de Estudos e Pesquisas de Psicanálise e Gêneros da UEM e, também, dialogar com autores e autoras que pesquisam essa temática na Psicanálise brasileira.

 

O evento será transmitido via Youtube e estará aberto a todos os públicos. Contudo, é possível sua inscrição para emissão de certificado. A inscrição pode ser feita no endereço:

 

https://forms.gle/Ku4qsmpusc62NXHQ8

 

Programação

 

26/10

18h30 - Abertura - Prof. Dr. Marcos Klipan

Identidade Sexual ou discussão de gêneros: onde situamos a Psicanálise atualmente?

19h - Palestra de início – Profa. Dra. Sarug Dagir

Disforia de Gênero e Transtorno do Espectro Autista   em crianças

20h15 - Comunicação – Psica. Me. Danielle Balduíno

Antígona e o feminino

20h45 - Comunicação – Beatriz Yukie

A Psicanálise feminista de Julia Kristeva.

 

27/10

19h - Comunicação - Fernanda Santos Garcia

Sobre o transhumanismo: reflexões psicanalíticas

19h30 - Comunicação – Psica. Me. Jenniffer Lucas

“Bate-se em uma mulher”: interlocuções entre a Psicanálise, a clínica e o fenômeno da violência contra as mulheres.

20h - Comunicação – Psica. Rosiléia Alves Barbosa

Fantasia do casal combinado e as implicações sobre a identidade gênero

20h30 - Comunicação – Psica. Me. Aracéles Frasson de Oliveira

Psicanálise e a masculinidade violenta

 

28/10

19h - Palestra de encerramento – Profa. Dra. Patrícia Porchat

A psicanálise e os gêneros não-binários

20h15 - Comunicação - Psica. Fernanda Claudino Casali

Breves considerações sobre a noção de bissexualidade na teoria freudiana

20h45 - Comunicação - Psica. Maria Carolina Pais Oliveira

Masoquismo e feminilidade, até onde se aproximam?

 

*Programação sujeita a alteração